12:30 to 12:31

Minuto de prevenção

O "Minuto da Prevenção" é uma ação da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Ílhavo, em parceria com outras entidades com competência em matéria de infância e juventude, realizada no âmbito do Plano Local de Promoção dos Direitos da Criança, que visa divulgar os direitos das crianças e jovens, sensibilizar a comunidade para práticas promotoras do seu desenvolvimento saudável e divulgar recursos da comunidade para a promoção dos direitos das crianças.

Repercussões dos maus tratos na infância e adolescência

23, Abril 2018

Abril é o mês internacional de prevenção dos maus tratos na infância.

As consequências dos maus tratos dependem de fatores como a idade da criança e a sua resiliência, temperamento e o caracter mais ou menos continuado das agressões, bem como do tipo de agressão.

As crianças vitimas de maus tratos sofrem alterações da vinculação aos adultos de referência, que são aqueles que legitima e incondicionalmente as deveriam proteger e bem tratar, gerando nelas um sentimento de desconfiança crescente. Apresentam, tendencialmente, dificuldades no estabelecimento de novas relações de confiança e testam e desafiam quem delas se aproxima, à procura de provas inequívocas de que não serão frustradas de novo.

Assim, todos temos de estar conscientes que as crianças vitimas de maus tratos podem expressar o seu sofrimento de forma indireta ou contraditória, manifestando problemas de comportamento, agressividade, hiperatividade, dificuldades de aprendizagem, comportamentos sexualizados, mas também manifestações de sintomas menos ruidosos, não menos graves, como inibição, isolamento social, depressão ou síndrome pós-traumático.

Os maus tratos na infância constituem uma situação de extrema gravidade pelo sofrimento que provocam em cada criança e jovem maltratado, e têm consequências e repercussões longitudinais, em que a evidência cientifica tem demonstrado a estreita correlação existente entre as situações de maus tratos na infância e adolescência e a ocorrência de psicopatologia na idade adulta, bem como o risco de transmissão transgeracional deste tipo de situações, com elevados custos sociais.  

Podcasts:

28, Maio 2018

As famílias atravessam um conjunto de fases de desenvolvimento que implicam a existência de crises esperadas (como a entrada dos filhos na escola, a adolescência, o envelhecimento) e crises inesperadas (como a doença, o desemprego, ou a perda de...

21, Maio 2018

É na família que crescemos, que desenvolvemos a nossa identidade e que recebemos suporte para a construção daquilo que nos define enquanto pessoas. A vida...

14, Maio 2018

Em 1993, a Assembleia Geral das Nações Unidas declarou o dia 15 de maio como Dia Internacional da Família. Desse essa altura que este dia se comemora como forma...

7, Maio 2018

É na vinculação com os pais que a criança constrói o primeiro padrão de segurança e isso acontece logo no nascimento. Durante a infância e adolescência...

30, Abril 2018

Muitos são os desafios que se colocam diariamente em matéria de promoção e proteção das crianças e jovens. Desafios que nos são colocados a...

16, Abril 2018

A campanha do Laço Azul, iniciou-se nos EUA, em 1989, quando uma senhora amarrou uma fita azul à antena do seu carro. O objetivo seria que as...

9, Abril 2018

O Núcleo Hospitalar de Apoio a Crianças e Jovens em Risco (NHACJR) do CHBV, criado em novembro de 2007 (projeto experimental), é uma equipa...

2, Abril 2018

A Sociedade e o Estado têm o dever especial de proteção das crianças, nos termos previstos na Constituição, e dos seus direitos consagrados na Convenção sobre...

26, Março 2018

As diferentes fases do desenvolvimento de uma criança ou jovem exigem várias adaptações dos próprios e da família a essa realidade, nomeadamente no que...

19, Março 2018

Vivemos num tempo em que tudo passa muito depressa. A sociedade está mais organizada em função do trabalho e não da família, pelo que cada vez há menos...