“Caixa geral de Depósitos está a recuar” numa função que deve assumir de ligação às pequenas e médias empresas” - Moisés Ferreira.

2017-04-07 11:25

Categoria: 

Concelho: 

O Bloco de Esquerda está contra o encerramento de balcões da Caixa Geral de Depósitos no distrito de Aveiro.

Moisés Ferreira questiona o Ministério das Finanças sobre o encerramento de balcões em São Bernardo e o balcão na Associação Industrial de Aveiro (AIDA), no concelho de Ílhavo, o balcão de Cucujães, no concelho de Oliveira de Azeméis, e o balcão da branca no concelho de Albergaria-a-Velha.

Moisés Ferreira afirma que o “encerramento de balcões do banco público reduz a sua presença no território e o acesso, por parte da população, aos serviços públicos bancários” e lembra que durante a anterior legislatura tinham sido encerrados mais de 100 balcões da Caixa e que “um banco público não pode atuar da mesma forma que um banco privado nem pautar-se pela mesma lógica”.

“A Caixa tem que estar presente em todo o território e tem de garantir o acesso a serviços bancários básicos e essenciais para a população, principalmente aquela que de outra forma não pode aceder a esses serviços, seja porque é infoexcluída, seja porque tem dificuldades para se deslocar até outra freguesia ou outro concelho”.

No caso do balcão na Associação Industrial de Aveiro o deputado diz que a Caixa geral de Depósitos está a “recuar” numa função que deve assumir de ligação às pequenas e médias empresas e ao tecido produtivo do país para dinamizar a economia.

“Esta decisão da Administração da Caixa deve ser revertida, em nome do interesse e serviço público e em nome do interesse da própria Caixa que deve manter-se como o principal banco a operar em Portugal, o que implica uma presença em todo o território”

 

 

terranova@terranova.pt

Endereço Postal: 
Apartado 42
Rua Gil Eanes, 31
3834-908 Gafanha da Nazaré

Estúdios:
Rua Prior Guerra
Edifício do Centro Cultural da Gafanha da Nazaré
3830-556 Gafanha da Nazaré

Tel: 234 390 100
Fax: 234 390 103